OS MESTRES E FARISEUS

Depois todos foram para casa, mas Jesus foi para o monte da Oliveiras. De madrugada ele voltou ao pátio
do templo, e o povo se reuniu em volta dele. Jesus estava sentado, ensinando a todos. Aí alguns mestres da Lei e fariseus levaram a Jesus uma mulher que tinha sido apanhada em adultério e a obrigaram a ficar de pé no meio de todos. Eles disseram: Mestre, esta mulher foi apanhada no ato de adúltero. De acordo com a Lei de Moisés nos deu, as mulheres adúlteras devem ser mortas a pedradas. Mas o Senhor, o que é que diz sobre isso? Eles fizeram essa pergunta para conseguir uma prova contra Jesus, pois queriam acusá-lo. Mas ele se abaixou e começou a escrever no chão com o dedo. Como eles continuaram a fazer a mesmo pergunta, Jesus endireitou o corpo e disse a eles: Quem de vocês estiver sem pecado, que seja o primeiro a atirar uma pedra nesta mulher Jo 8.1-7...MESTRES DA LEI. Homens que ensinavam e explicavam as Escrituras hebraicas, espacialmente os cinco primeiros livros. Esta é a única vez que mestres da Lei aparecem no Evangelho de João; nos outros Evangelhos eles aparecem frequentemente junto com os fariseus....A LEI QUE MOISÉS NOS DEU. A Lei mandava que tanto a mulher como o homem apanhados em adúltero fossem mortos Lv 20.10; Dt 22.22-24. CONSEGUIR UMA PROVA CONTRA JESUS...Ficava difícil para Jesus dar uma resposta definitivo, se dissesse para deixarem a mulher em paz, iria contra a Lei de Moisés. Se concordasse que a mulher deveria ser morta, iria contra os romanos, que eram os únicos que podiam executar uma pessoa. Pilatos disse: Levem este homem e o julguem vocês mesmos, de acordo com a lei de vocês Jo 18.31. Jesus já tinha sido condenado por eles há mais tempo Jo 11.47-53. Só que as autoridades romanas não permitiam que os judeus mandassem matar pessoas condenadas a morte. Esse era um privilégio apenas de cidades livres dentro do Império Romano. COMEÇOU A ESCREVER NO CHÃO...É a única vez que se diz, nos Evangelhos, que Jesus escreveu. Não se sabe o que ele escreveu. A mulher era uma vitima dos mestres da Lei e dos fariseus, mas interessados em acusar Jesus do que em aplicar a Lei de Moisés. A resposta de Jesus é genial. Não impede que se joguem as pedras que a Lei de Moisés exigia, mas, ao mesmo tempo, mostra que aqueles que querem jogar pedras são tão pecadores quantos a mulher apanhada em adúltero. Não julguem os outros para vocês não serem julgados por Deus Mt 7.1. Jesus tem as qualificações e a autoridade para dizer isso. Qual de vocês pode provar que eu tenho algum pecado? Se digo a verdade, por que não creem em mim v.46. Jesus continuou a falar a eles. Ele disse: Eu não posso fazer nada por minha própria conta, mas julgo de acordo com o que o Pai me diz. O meu julgamento é justo porque não procuro fazer a minha própria vontade, mas a vontade daquele que me enviou cap 5.30. Estas palavras mostram que Jesus leva o pecado a sério. Mas tarde Jesus encontrou o homem no pátio do Templo e disse a ele: Escute Você agora está curado. Não peque mais, para que não aconteça com você uma coisa ainda pior Jo 5.14.

NOTICIA BÍBLICA

O PROFETA NÃO PODE CALAR

HÁ DOR IGUAL A MINHA?

CHAMADA DE DEUS

A ALIANÇA É VIOLADA

FIGUEIRA

O SERMÃO PROFÉTICO